Tradições Pascais em Portugal

Tradições Pascais

A Páscoa é, em Portugal, uma época de muitas vivências, de inúmeras tradições e de inúmeras cerimónias.

Em Braga, a semana santa é carregada de fé, simbolismo e tradições: procissão de Nossa Senhora da “burrinha” [quarta-feira]; procissão do Senhor “Ecce Homo” [quinta-feira]; procissão do “Enterro do Senhor” [sexta-feira].

No Alentejo, em Castelo de Vide, os chocalhos celebram alegria;

No Algarve, em São Brás de Alportel, a procissão sem Santos;

Em Trás-os-Montes, em Montalegre, a queima do Judas;

Nos Açores, o Espírito Santo;

Coimbra enterra o Bacalhau.

No Domingo da Ressurreição é fundamental a Vigília Pascal. É a noite da celebração sacramental da Páscoa: a Palavra, o Batismo e a Eucaristia.

O Compasso ou Visita Pascal é uma tradição ainda hoje vivida no Norte de Portugal. As ruas são adornadas, saindo pela manhã, indo de casa em casa, a Cruz florida em visita às família. É frequente ser acompanhada por fogo de artifício. As campainhas, que os mais novos transportam, vão à frente a avisar, para que as famílias, familiares e amigos se preparem para receber o Senhor Ressuscitado.

Os folares, de norte a sul do país, ganham diversas formas e contam diferente histórias. Tradicionalmente são oferecidos às crianças (especialmente pelos padrinhos).

É sempre importante conhecermos e preservarmos as nossas tradições!


Esta entrada foi publicada em InfoR. ligação permanente.

Deixe uma resposta