“O Homem das Grandes Ideias” – texto inspirado na pintura “Rue Lafayette” de Edvard Munch

Munch_Edvard-Rue_LafayetteTudo começou numa nova manhã, na Rua Lafayette, quando o senhor Pierre de Derre se levantou.
O senhor Pierre era um homem elegante, vestido com cartola, casaco cem por cento algodão e calças de couro. Era um homem excêntrico, com grandes ideias, tudo para ganhar o respeito da sua amada: Marie Van Dor, uma mulher elegante e incrivelmente bonita.
Nessa manhã luminosa de outono, Pierre apoiou-se na grade da varanda, a pensar e a magicar e, ao ver um coche com cavalos, disse para si “E se os carros tivessem mais rapidez?”
Então Pierre pegou no seu coche antigo e acrescentou-lhe um barril de pólvora, que quando fosse aceso – cabbum- uma explosão iria provocar. Pierre não pensou duas vezes e foi mesmo uma explosão, mas, graças a Deus, ninguém se magoou. Pierre não desistiu e inventou outras coisas como: a escada mecânica, o ozamburg (um instrumento musical que fazia um ruído horrível) e outras invenções que correram de forma desastrosa.
Pierre pensou e achou que o melhor era desistir e para intensificar a ideia tocou a marcha fúnebre com o ozamburg.Tocou bem alto, e quando por fim parou, ouviram-se tiros de polícia.
– Este ruído horrível despistou este terrível bandido que roubou quarenta barras de ouro. Quem fez isto? – disse o chefe da polícia, admirado.
– Fui eu! – disse Pierre, que entretanto tinha descido as escadas para ver o que se passava.
Marie, o pai e a mãe estavam lá a aplaudi-lo pelo seu ato de coragem. Pierre pediu a mão de Marie em casamento e o pai dela aceitou.
Dez anos depois, Pierre voltou à varanda e pensou que invenção podia fazer.

João Barreiros Coelho Rodrigues, 5º C


Esta entrada foi publicada em Escrever..., Pequenos grandes escritores. ligação permanente.

2 respostas a “O Homem das Grandes Ideias” – texto inspirado na pintura “Rue Lafayette” de Edvard Munch

  1. João Rodrigues diz:

    Pessoal, espero que gostem!
    🙂
    JR

  2. Maria de Fátima Rodrigues diz:

    Parabéns João, continua sempre a melhorar a tua escrita, pois a tua imaginação e o teu coração vão levar-te longe! 😉
    Bjs
    FR

Deixe uma resposta