Autorretratos do 7.º D

Muitos foram aqueles que, ao longo dos tempos, decidiram autorretratar-se. Alguns optaram pela pintura para imortalizar a sua imagem, uns pela fotografia e outros ainda pela escrita. Manuel Maria Barbosa du Bocage, Alexandre O’Neill e Cecília Meireles são exemplos de quem usou a palavra para espelhar a sua própria imagem.

Também os alunos do 7.º D  fizeram o seu autorretrato no âmbito da disciplina de Português. Partilhamos convosco alguns trabalhos frutos de muita inspiração!

Boa leitura 🙂

 

Autorretrato

Santiago, 12 anos, magro e em crescimento.
Pessoa de bom coração, coberto de arrogância.
Pessoa de grande ambição juntamente com o seu egoísmo.
Pessoa séria, escondida pela mentira.
Diz que vai encontrar sucesso na vida com mais ou menos esforço: “Mas isso é para depois…” diz ele, pois gosta de apreciar os prazeres da vida, não gosta de pensar que, eventualmente, vai ter de passar este texto a limpo para o computador.
Também gosta das novas tecnologias, passa o tempo a entreter-se com elas.
O que é certo é que quando o conheces só realmente conheces o seu aspeto físico: cabelo castanho, olhos castanhos, magro, alto, etc… , mas o resto, o que está por dentro, é o que se tem de aprender aos poucos e poucos.

Santiago Bernardino, 7.º D

narciso


Esta entrada foi publicada em " Conto Contigo". ligação permanente.

Uma resposta a Autorretratos do 7.º D

  1. Mª das Dores Martins, RSCM diz:

    Há pequenos “Torga” no 7.º D! Deliciei-me… Parabéns aos “Torga”!!!
    Que o gosto dos nossos autores portugueses cresça, acompanhe o vosso crescimento .
    Parabéns!
    Ir. Dores

Deixar uma resposta